Aplicativo para ensinar inglês: saiba como escolher o melhor para suas aulas

Você sabe o que levar em conta na hora de escolher um aplicativo para seus alunos aprenderem inglês? Leia esse artigo e descubra!

Aplicativo para ensinar inglês: saiba como escolher o melhor para suas aulas

Cresce cada dia mais a busca por aplicativos para aprender inglês. Especialmente jovens e adultos buscam por meios alternativos para aprender o idioma, sem precisar de um curso ou professor.

Mas e a busca por aplicativo para ensinar inglês? Será que os professores, centros de idiomas e escolas estão acompanhando essa tendência?

As tecnologias digitais estão sendo implementadas no ensino de forma ampla, especialmente após a pandemia do Coronavírus, quando praticamente todas as atividades migraram para o formato online.

Essa transformação que aconteceu na educação, dizem os especialistas no assunto, é irreversível. Aquilo que ouvíamos há anos, que “a tecnologia veio para ficar”, resta mais que comprovado.

As discussões na área da educação sinalizam que o futuro da educação é híbrido. Neste cenário, seja para professores particulares ou centros de idiomas, a adoção de tecnologia em suas aulas é fundamental.

Por isso, vale a pena avaliar as opções existentes no mercado no que se refere a aplicativos para ensinar inglês, materiais didáticos digitais, plataformas e outras ferramentas do gênero.

Nesse artigo você vai aprender como escolher um aplicativo para ensinar inglês: o que você deve considerar, o que evitar, como introduzir na sua metodologia de ensino e muito mais. Não deixe de ler até o final!

Como escolher o melhor aplicativo para ensinar inglês?
1. Avalie o conteúdo
2. Investigue a metodologia
3. Padrão internacional
4. Conheça o aplicativo da Flexge

Como escolher o melhor aplicativo para ensinar inglês?

Feliz ou infelizmente, a maior parte das opções de aplicativos que estão disponíveis no mercado se destinam ao aluno e são voltados para o aprendizado autodidata.

No entanto, nada impede que você utilize esses aplicativos como ferramenta de apoio às suas aulas. Essa é uma forma de trazer dinamismo para o processo de ensino-aprendizagem e tornar o aprendizado de inglês mais estimulante para o aluno.

Mas como escolher um aplicativo para ensinar inglês? Continue lendo para descobrir!

1. Avalie o conteúdo

A primeira coisa a qual você deve se atentar é quanto ao conteúdo do aplicativo. Ele está de acordo com o seu público?

Digamos que seus alunos sejam adultos. Não faz nenhum sentido adotar um aplicativo cujo conteúdo seja de histórias infantis, por exemplo. Dê preferência a aplicativos que possuam um conteúdo adequado para seus alunos.

Também é importante que o conteúdo do app para inglês seja interessante, engajador e atual.

Antes de passar para seus alunos, investigue a qualidade deste conteúdo: ele está de acordo com as regras gramaticais?

Existem muitos apps para estudar inglês que não são feitos por professores e, por isso, podem conter um conteúdo confuso, sem didática e até mesmo equivocado. Por isso é muito importante avaliar profundamente esse quesito antes de passar para seus alunos.

A tecnologia apresenta inúmeras vantagens para o ensino de inglês, tanto do ponto de vista pedagógico, quanto econômico. No entanto, deve-se ter muita cautela na escolha dessas ferramentas, para que não cause efeito contrário e acabe atrapalhando o ensino.

2. Investigue a metodologia

Existem incontáveis formas de se aprender e ensinar um mesmo conteúdo. Com o inglês, não é diferente.

Por essa razão, os aplicativos que ensinam inglês apresentam diferentes metodologias. Alguns são mais lúdicos, outros mais técnicos. Tem para todos os gostos!

Antes de escolher um aplicativo para ensinar inglês, conheça a metodologia de ensino que está por trás do app e avalie se é a melhor opção para os seus alunos, levando em conta a metodologia que você adota em suas aulas.

Investigue primeiro a que nível de inglês o aplicativo se destina. Existe app de inglês para iniciantes, que aborda todo o conteúdo gramatical, vocabulário e estruturas linguísticas. Mas também existe app de inglês voltado para quem já tem certo domínio da língua, focado na prática diária, por exemplo.

Também existem aplicativos que possuem uma abordagem mais natural da língua e outros concentrados em gramática.

Assim, antes de adotar um aplicativo para ensinar inglês, descubra qual a metodologia aplicada e escolha a que considerar mais apropriada para suas aulas e alunos.

3. Padrão internacional

Como você deve saber, existem padrões internacionais que determinam os níveis de proficiência de acordo com o domínio das habilidades linguísticas pelo aluno. É o caso do Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CEFR), um dos mais adotados.

É vantajoso utilizar aplicativos que observam esses padrões internacionais, cujo conteúdo está alinhado à escala de proficiência, porque seus alunos conseguirão ter uma noção real do nível de inglês que possuem.

Assim, prefira aplicativos que adotem esses padrões e tenha mais segurança no ensino de inglês.

4. Conheça o aplicativo da Flexge

O Material Didático Digital da Flxege para jovens e adultos, o Flexge Academic, conta com versão web e aplicativo mobile.

Com ele, seus alunos têm acesso a milhares de exercícios para praticar as quatro habilidades linguísticas: listening, speaking, reading e writing.

Conta com áudios gravados por falantes nativos e uma avançada ferramenta de Avaliação de Pronúncia. O aplicativo de inglês da Flexge é engajador e oferece uma experiência gamificada para os seus alunos, tornando o estudo de inglês mais divertido!

Ainda, todo o material didático digital da Flexge está em conformidade com o padrão do CEFR, possuindo uma trilha de aprendizagem completa que leva seus alunos do nível básico ao mais avançado de inglês.

Clique aqui e experimente nossa plataforma!

Agora que você já sabe como escolher um aplicativo para ensinar inglês, continue aprendendo com nossos artigos! Separei alguns títulos que podem interessar você: