7 exemplos de TICs na Educação e os benefícios de usar essas tecnologias em suas aulas

Neste artigo você vai aprender o que é TIC, conhecer 7 tipos, exemplos e quais os benefícios para a educação

7 exemplos de TICs na Educação e os benefícios de usar essas tecnologias em suas aulas

O uso de tecnologia em sala de aula é algo que veio para ficar. Não se trata mais de algo que se vislumbra para o futuro da educação, mas sim de algo que já faz parte do dia a dia de professores e alunos.

Com isso, é muito importante que educadores, gestores, coordenadores e demais atores do ecossistema educacional conheçam essas tecnologias, entendam seus conceitos e aplicações.

Somente assim será possível obter sucesso na aplicação delas no processo de ensino-aprendizagem.

Neste artigo você vai aprender o que é TIC - Tecnologia da Informação e Comunicação e como essas tecnologias podem ser utilizadas para aprimorar o ensino.

Se você é professor ou trabalha com educação, você precisa ler esse texto até o final. Vamos lá?

O que é TIC
TICs na educação
7 exemplos de TICs na educação
1. Ferramentas de comunicação
2. Ferramentas de trabalho
3. Ferramentas de gestão
4. Ferramentas de experimentação
5. Ambientes virtuais imersivos
6. Plataformas
7. Objetos digitais de aprendizagem
Benefícios das TICs na educação

O que é TIC

Se você já se deparou com o termo e não entendeu o que significa TIC, fique tranquilo que nós vamos ajudá-lo a entender do que se trata.

TIC é a abreviação adotada para o termo Tecnologia da Informação e Comunicação.

Refere-se a um conjunto de recursos tecnológicos integrados, os quais proporcionam, por meio das funções de hardware, software e telecomunicações, a automação e comunicação de processos.

Com a popularização da internet, o uso dessas tecnologias foi potencializado em vários campos, inclusive na educação, como você verá adiante. Continue lendo!

Pode parecer algo muito complexo ou revolucionário, mas a verdade é que as TICs já fazem parte do seu dia a dia pessoal e profissional. Quer ver só?

Você provavelmente possui um endereço de e-mail, certo? Ou utiliza algum chat ou aplicativo de mensagem instantânea, não é mesmo? Pois bem, elas são exemplos de TICs. Outros exemplos são:

  • notebooks e computadores;
  • celulares;
  • câmeras de vídeo e foto para computador ou Webcams;
  • pendrive;
  • cartão de memória;
  • internet;
  • websites;
  • e-mail;
  • YouTube.

Em cada área da sociedade, as TICs são desenvolvidas para proporcionar soluções específicas, como automação para a indústria, ferramentas de gestão no comércio e segurança para empresas financeiras.

Na educação, como você vai descobrir a seguir, essas tecnologias proporcionam a potencialização do processo de aprendizagem, a personalização do ensino, gerenciamento de turmas, assertividade na gestão de escolas e não para por aí.

Continue lendo para conhecer os tipos e benefícios de TICs na educação!

Infográfico: ensinar inglês com a Flexge

TICs na educação

As Tecnologias da Informação e Comunicação estão para a Era Digital assim como o carvão esteve para a Era Industrial. São ferramentas indispensáveis para o funcionamento do novo paradigma social.

Hoje em dia, muitas de nossas atividades cotidianas são prejudicadas se perdermos o acesso à internet ou a nossos aparelhos celulares. Trabalho, lazer, alimentação, transporte e educação: elas estão presentes em toda parte.

Para um professor de inglês, por exemplo, a utilização de recursos audiovisuais para ensinar o idioma tornou-se algo indispensável. As TICs proporcionam algo que antes da existência das mesmas parecia impossível de se realizar.

A qualidade do ensino com a utilização das TICs é muito maior e mais perceptível do que jamais foi. Isso porque elas multiplicaram as possibilidades de pesquisa e informação para os alunos, que com essas ferramentas em mãos, tornam a aprendizagem ativa e passam a protagonizar o processo de ensino-aprendizagem.

No entanto, a implementação dessas tecnologias em sala de aula não esvazia o papel dos professores. Pelo contrário, este passa por uma transformação que aumenta ainda mais sua importância e indispensabilidade.

No contexto da Era Digital, o professor deixa de ser o único detentor e transmissor do conhecimento e passa a ser organizador e curador das informações, fornecedor de meios e recursos de aprendizagem, provocadores do diálogo, da reflexão e da participação crítica, entre outros papéis.

Como você verá ainda neste artigo, quando as TICs são aplicadas no processo de ensino-aprendizagem de forma adequada, os alunos se tornam mais motivados e engajados.

Ainda, tratando-se da utilização das TICs na educação, devemos destacar a importância dessas ferramentas para a democratização do ensino.

Por meio dessas tecnologias, a Educação a Distância (EaD) supera barreiras territoriais e econômicas, para levar educação a uma vasta quantidade de pessoas, em diversas localidades.

Você sabe quais são os diferentes tipos de TICs usados na educação? Continue lendo para descobrir.

Turma de alunos em aula de robótica ilustrando as TICs na educação.
Conheça 7 exemplos de TICs utilizadas na educação!

7 exemplos de TICs na Educação e seus benefícios

Ao longo deste artigo, citamos vários exemplos de TICs que utilizamos diariamente em diversos contextos. Agora vamos elencar alguns recursos tecnológicos que podem auxiliar no processo de ensino-aprendizagem.

A título explicativo, vamos dividir as TICs em sete grupos, conforme suas finalidades e características. Confira quais são os 7 tipos de TICs na educação:

1. Ferramentas de comunicação

Comuns a diversas áreas de nossas vidas, essas TICs tem a função de facilitar a comunicação entre as pessoas. Neste caso estamos falando das pessoas envolvidas no processo educativo: professores, alunos, pais dos alunos, diretores, coordenadores.

São muito eficientes para simplificar a troca de informações, agilizar conversas (que ocorrem de forma instantânea), permitir a comunicação em grupos, entre outras vantagens.

Alguns exemplos são:

  • e-mail;
  • aplicativos como WhatsApp;
  • site;
  • redes sociais.

2. Ferramentas de trabalho

Neste grupo de TICs se encontra qualquer aplicativo ou programa que auxilie na organização de arquivos e na realização de tarefas, utilizado tanto por professores quanto por alunos.

São tecnologias que substituem ferramentas como cadernos e arquivos, e vão além, transformando os processos e a forma como realizamos tais tarefas.

Exemplos:

  • ferramentas de edição de textos;
  • ferramentas de armazenamento.

3. Ferramentas de gestão

As ferramentas de gestão simplificam e facilitam a organização de informações e processos relacionados à educação, seja dentro da sala de aula ou fora dela, relacionado à própria escola, aos professores ou alunos.

Pode-se elencar como TICs de gestão:

  • sistema para emissão de boletos;
  • gerenciador de presença;
  • livro virtual para lançamento de notas.

4. Ferramentas de experimentação

As ferramentas de experimentação, colocam o aluno como protagonista no processo de aprendizagem, ao viabilizar que ele desenvolva projetos e produtos que não seriam possíveis sem tais tecnologias.

Estamos falando aqui de tecnologias que permitem ao aluno colocar a mão na massa e adquirir conhecimentos de forma prática, experimental.

Elas são muito importantes para o desenvolvimento do aluno, vez que auxiliam no trabalho com as competências cognitivas, as habilidades socioemocionais, a comunicação e o trabalho em equipe.

São exemplos de TICs de experimentação:

  • laboratório de informática;
  • kits de robótica;
  • plataformas de programação;
  • softwares de produção audiovisual.

5. Ambientes virtuais imersivos

Você sabia que é possível visitar diversos museus de maneira virtual? Isso mesmo, do conforto da sua casa, você tem contato com arte e cultura de diversas nacionalidades e épocas.

Através de imagens virtuais, a tecnologia de realidade aumentada promove experiências que misturam o mundo real com o digital. Para os alunos, essa experiência proporciona diversão e muito aprendizado.

Um ambiente virtual imersivo é um cenário tridimensional dinâmico armazenado em computador e exibido através de técnicas de computação gráfica, em tempo real. O usuário tem a sensação de estar presencialmente no local.

Alguns exemplos de dispositivos de realidade aumentada são:

  • HMDs;
  • BOOMs;
  • Shutter-Glasses;
  • CAVEs.

6. Plataformas

As TICs mais utilizadas na educação são as plataformas. Elas apresentam diversas funcionalidades, sendo a mais comum a distribuição do conteúdo.

Através delas, o professor consegue gerenciar o processo de ensino-aprendizagem, acompanhando a evolução e o desenvolvimento do aluno, de forma personalizada.

No modelo de ensino híbrido, por exemplo, o professor pode publicar materiais para que o aluno acesse de sua casa, e este, por sua vez, consegue enviar para o professor as atividades realizadas de forma online.

São exemplos plataformas utilizadas na educação:

  • sistema de gestão de aprendizagem (LMS - Learning Management System);
  • ambiente virtual de aprendizagem;
  • material didático digital.

7. Objetos digitais de aprendizagem

Por fim, o último tipo de TICs na educação são os ODA - Objetos Digitais de Aprendizagem. ODA nada mais são do que recursos digitais que auxiliam a prática pedagógica dentro ou fora da sala de aula.

Na maioria das vezes, são ferramentas utilizadas para tratar da matéria de forma mais dinâmica, sendo muito eficientes para captar o interesse e envolver os alunos nas atividades da aula.

Exemplos:

  • jogos ou plataformas gamificadas;
  • eBooks (livros digitais);
  • animações;
  • videoaulas e outros recursos audiovisuais.

Benefícios das TICs na educação

Depois de tudo o que você leu até aqui, com certeza já entendeu quais são os benefícios das TICs na educação.

Desde a organização da parte burocrática, financeira e administrativa das organizações de ensino, as TICs permeiam todo o processo educacional, atuando de maneira positiva também na atividade final, o ensino.

É fato que as TICs colaboram com a gestão educacional para melhorar a qualidade do ensino, pois munem o professor de ferramentas que potencializam sua capacidade de ensinar.

Assim, pode-se dizer que as TICs na educação:

  • proporcionam a personalização do ensino e acompanhamento individualizado;
  • promovem a autonomia do estudante, deixando o processo de aprendizagem muito mais ativo;
  • incentivam o trabalho em equipe através de atividades colaborativas e interativas;
  • deixam as aulas e o aprendizado mais dinâmico;
  • auxiliam os educadores e coordenadores a gerenciar tarefas burocráticas, tornando o seu trabalho mais prático e eficiente;
  • permitem que o aprendizado ocorra de maneira contextual e situada, visto que a instrução pode ocorrer em qualquer lugar e momento;
  • contribuem para o acesso universal à educação.

Como você deve ter notado, a lista de benefícios das TICs na educação é imensa. Por isso é tão importante que todos os agentes educacionais as conheçam e busquem formas de inseri-las na educação.

Agora que você já sabe o que é TIC, como ela é importante para a educação e conheceu seus vários tipos e benefícios, entenda melhor qual é o papel do professor diante das tecnologias educacionais.

Continue aprendendo com a Flexge! Inscreva-se em nossa Newsletter e receba conteúdos como este diretamente no seu e-mail.

Fique por dentro das novidades!

Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos do Blog no seu e-mail.