Impactos da Cultura Digital no Ensino de Inglês

O uso das tecnologias digitais no ensino transformaram o modo pelo qual os alunos aprendem. Entenda como isso impacta o ensino de inglês!

Impactos da Cultura Digital no Ensino de Inglês

As tecnologias digitais cada vez mais fazem parte do nosso arranjo social. Elas transformaram o modo como consumimos informações, nos comunicamos e como interagimos com as outras pessoas.

Até mesmo a forma como realizamos nossas rotinas diárias foi impactada pelo uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC). Isso é o resultado do que se tem chamado de cultura digital.

E o aprendizado de inglês neste novo contexto, sofreu alguma transformação? É o que vamos analisar neste artigo.

Se você quer saber o que é cultura digital e como ela transformou o ensino de inglês, leia este artigo. Aqui você vai conferir:

Cultura Digital: o que é?
Impacto da Cultura Digital no ensino
Cultura Digital e o Ensino de Inglês

Cultura Digital: o que é?

A cultura digital vem se consolidando nos últimos anos. Como não poderia deixar de ser, também vem ganhando espaço na sala de aula.

Os recursos tecnológicos, que são usados dentro e fora da escola pelos alunos, transformam o ensino e a aprendizagem, promovendo interações mais sofisticadas e colaborando com a aprendizagem da língua inglesa.

Mas o que seria, afinal, essa cultura digital?

Cultura é aquilo que resulta da criação humana. Podem ser ideias, costumes, leis, modos de conduta, artefatos, conhecimentos que são adquiridos e transformados a partir do convívio social.

Por ser algo vivo, a cultura é transmitida de geração para geração, passando por transformações à medida que novas ações coletivas são desenvolvidas. Podemos citar a revolução industrial como evento que determinou a cultura industrial e as inovações tecnológicas como determinantes da Era Digital.

Hoje, os alunos são nativos digitais, isto é, já nasceram em uma época em que as tecnologias digitais estavam integradas aos mais diversos segmentos da sociedade, estando presente no cotidiano de (praticamente) todas as pessoas.

Assim, para conquistar a atenção e despertar o interesse deles, o uso das tecnologias no ensino se torna indispensável. A seguir vamos entender o porquê.

Impacto da Cultura Digital no ensino

Diante da Cultura Digital que caracteriza o período atual, a educação passa por transformações decorrentes da introdução da tecnologia digital no contexto educacional.

Com acesso ilimitado às informações, professores e alunos buscam se tornar cidadãos críticos, autônomos e criativos, solucionando problemas, com iniciativas próprias, produzindo conteúdos e saberes, questionando e transformando a própria sociedade.

Para o melhor aproveitamento dessa cultura, agentes educacionais desenvolvem princípios e regulamentações para promover esse desenvolvimento frente a essa nova realidade.

O papel do professor e do aprendiz não é mais o mesmo que outrora. Enquanto o professor já não é mais o único detentor do conhecimento, que se encontra disponível a um clique de distância, o aluno também já não pode ser mero espectador que aprende de forma passiva.

Com a possibilidade de encontrar qualquer informação muito facilmente, o aluno precisa desenvolver o senso de responsabilidade e o raciocínio crítico, para que possa usufruir de todo esse arsenal de conhecimento disponível de maneira produtiva.

O mesmo ocorre com o ensino de inglês. Entenda!

Cultura Digital e o Ensino de Inglês

Como já foi dito, o uso de tecnologias digitais no processo de ensino-aprendizagem facilita a interação do aluno e contribui para a motivação do aprendiz, que é nativo digital e tem contato com essas ferramentas desde a primeira infância.

Usar tecnologias para ensinar inglês aproxima o processo de aprendizagem da realidade do aluno, que por meio da internet usa a língua inglesa para se integrar a comunidade global, trocando informações com pessoas do mundo todo e vivenciando experiências autênticas no idioma.

No ensino de inglês, um computador conectado à internet é uma fonte dinâmica que permite ao professor trabalhar com as quatro habilidades linguísticas (leitura, fala, escuta e escrita) de forma integrada.

Deste modo, o professor pode proporcionar ao aluno situações reais de uso da língua, por meio de chats, leituras de textos reais, compreensão auditiva de vídeos e escrita de e-mails com fins didáticos, por exemplo.

Isso fomenta a construção do conhecimento e permite ao aluno se tornar co-autor do próprio aprendizado.

No mesmo sentido, uma das principais vantagens que a cultura digital apresenta para o ensino de inglês é a possibilidade de interação entre as pessoas, o que permite o intercâmbio de pontos de vista, bem como conhecer e refletir sobre diferentes questionamentos.

Essa interação é elemento muito importante para o ensino de qualquer idioma, e a internet viabiliza que os aprendizes tenham contato com falantes nativos ou até mesmo outros estudantes, trocando experiências.

Isso tudo faz com que o aluno se aproxime da língua e perceba o valor que o aprendizado da mesma apresenta para sua vida. E não há nada que estimule mais a busca pelo conhecimento do que a compreensão da utilidade que esse conhecimento terá para o aprendiz.

Neste artigo você conferiu o impacto que a cultura digital apresenta para o ensino de inglês. Você concorda com o que leu aqui? Deixe um comentário com sua opinião! Vamos adorar saber.

Fique por dentro das novidades!

Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos do Blog no seu e-mail.