6 motivos para usar tendências nas aulas de inglês: atraindo a atenção e o interesse dos alunos

Entenda porque é interessante utilizar tendências em suas aulas de inglês e como fazer isso da melhor forma.

6 motivos para usar tendências nas aulas de inglês: atraindo a atenção e o interesse dos alunos

A palavra “tendência” no dicionário Oxford tem os seguintes significados:

Tendência

1.aquilo que leva alguém a seguir um determinado caminho ou a agir de certa forma; predisposição, propensão.

2. disposição natural; inclinação, vocação

Modernamente, e neste artigo, utilizamos o termo como aquilo que está em alta, não fugindo muito da primeira acepção trazida acima: aquilo que leva por um determinado caminho, predisposição, propensão.

Talvez o maior desafio que os professores de inglês enfrentam seja o de manter os alunos engajados e interessados nas aulas e nada melhor do que trazer para a aula aquilo que já está sendo comentado em outros meios de comunicação que o aluno acessa diariamente.

Com o avanço da tecnologia e o fácil acesso à internet, os alunos são constantemente bombardeados com informações e tendências que moldam seus interesses e comportamentos.

Diante disso, os professores precisam buscar estratégias inovadoras para conectar-se com seus alunos e criar um ambiente de aprendizagem estimulante. Uma abordagem eficaz para alcançar esse objetivo é incorporar tendências atuais nas aulas de inglês.

Quer entender porque o uso de tendências pode ser uma excelente forma de atrair e prender a atenção de seus alunos?

Neste artigo, exploraremos os principais motivos pelos quais os professores de inglês devem adotar essas tendências em suas práticas pedagógicas, você vai ver neste artigo:

Motivos para utilizar tendências nas aulas de inglês

  1. Atração da Atenção
  2. Estímulo ao Interesse pelo Tema
  3. Evitar Rupturas com o Mundo Digital
  4. Abertura para Discussões Relevantes
  5. Reforço da Aprendizagem Lúdica
  6. Estímulo à Criatividade

Estratégias para a utilização das tendências nas aulas de inglês

  1. Pesquisa e Seleção de Tendências Relevantes
  2. Desenvolvimento de Atividades Criativas
  3. Integração de Habilidades Linguísticas
  4. Incentivo à Colaboração
  5. Apresentação e Compartilhamento de Atividades
  6. Outras Atividades mais Simples e Rápidas

Conclusão

Motivos para utilizar tendências nas aulas de inglês

A seguir veremos alguns dos bons motivos pelos quais os professores devem fazer a utilização de tendências e acontecimentos relevantes em suas aulas.

1. Atração da Atenção

Capturar a atenção dos alunos é o primeiro passo essencial para o processo de aprendizagem. Quando os alunos estão envolvidos e interessados no conteúdo das aulas, estão mais abertos a absorver o conhecimento apresentado pelo professor.

Utilizar tendências populares, como lançamento de filmes, como o da Barbie, por exemplo - maior tendência no momento em que este artigo está sendo escrito -  séries de TV ou até mesmo desafios virais da internet, pode ser uma maneira eficaz de chamar a atenção dos alunos desde o início da aula.

Ao relacionar o conteúdo da aula com temas que despertam o interesse dos alunos, os professores podem estabelecer uma conexão significativa e, assim, maximizar o aprendizado do aluno.

2. Estímulo ao Interesse pelo Tema

Como citado no início deste artigo, um dos principais desafios enfrentados pelos professores é despertar o interesse dos alunos por temas muitas vezes considerados áridos ou desinteressantes.

Ao incorporar tendências contemporâneas, o professor pode contextualizar o conteúdo de forma atrativa e relevante para a vida dos alunos.

Por exemplo, se a turma estiver estudando vocabulário relacionado ao meio ambiente, o professor pode usar exemplos de acontecimentos relacionados à natureza que estão em alta, como a utilização de energias renováveis, carros elétricos, fim das energias fósseis, poluição, entre outras discussões que estejam em destaque no momento.

Essa abordagem não apenas torna a aprendizagem mais empolgante, mas também demonstra aos alunos como o inglês é relevante e aplicável em diversas situações cotidianas.

3. Evitar Rupturas com o Mundo Digital

Vivemos em uma era digital, em que a tecnologia e a internet desempenham um papel central na vida dos alunos. A geração atual está acostumada a encontrar informações e entretenimento instantaneamente por meio de smartphones, tablets e computadores.

Neste contexto, tentar dar uma aula utilizando somente os meios tradicionais: quadro branco, pincel e materiais impressos; é a receita para o fracasso e a falta de interesse dos alunos.

Ao trazer tendências atuais para a sala de aula, o professor está alinhando o ambiente educacional ao mundo digital em que os alunos estão imersos. Essa integração é fundamental para evitar uma ruptura entre o que é ensinado na escola e o que os alunos experimentam diariamente fora dela.

4. Abertura para Discussões Relevantes

As tendências atuais muitas vezes trazem consigo temas e questões relevantes que podem ser discutidos em sala de aula. Esses assuntos podem variar desde debates sobre diversidade e inclusão presentes em filmes e séries, até questões ambientais discutidas em desafios virais da internet.

Ao abordar essas temáticas em inglês, os professores podem estimular a prática de habilidades linguísticas essenciais, como o debate, a argumentação e a expressão de opiniões.

Além disso, essas discussões têm o poder de promover um ambiente de aprendizagem inclusivo e empático, em que os alunos se sintam à vontade para compartilhar suas visões de mundo.

5. Reforço da Aprendizagem Lúdica

Aprendizagem lúdica é uma abordagem educacional que incorpora elementos de diversão e entretenimento ao processo de ensino-aprendizagem, aliás, esta é a tendência da educação 4.0.

Ao utilizar tendências atuais, como jogos ou músicas populares, os professores podem criar atividades lúdicas que tornam o aprendizado mais envolvente e efetivo.

Por exemplo, criar jogos de tabuleiro com palavras em inglês relacionadas a personagens da Barbie ou elaborar atividades interativas com base em desafios da internet pode tornar o aprendizado mais atrativo e, ao mesmo tempo, reforçar o desenvolvimento das habilidades linguísticas dos alunos.

6. Estímulo à Criatividade

As tendências atuais estão frequentemente relacionadas ao mundo do entretenimento, da arte e da cultura.

Ao incorporar esses temas nas aulas de inglês, e oferecer oportunidades para que eles explorem novas formas de se expressar em língua estrangeira.

Por exemplo, propor aos alunos que criem finais alternativos para um filme ou que escrevam uma redação baseada em um tópico popular da internet pode incentivá-los a pensar fora da caixa e a desenvolver suas habilidades de escrita e imaginação.

Estratégias para a utilização das tendências nas aulas de inglês

Nesta seção, exploraremos algumas maneiras de abordar as tendências em sala de aula, ou em aulas on-line, e como os professores podem trabalhar em conjunto com os alunos para desenvolver atividades criativas e educacionais.

1. Pesquisa e Seleção de Tendências Relevantes

O primeiro passo para abordar tendências em sala de aula é realizar pesquisas para identificar quais temas e conteúdos estão em alta e são relevantes para os interesses dos alunos.

Os professores podem aproveitar a familiaridade dos alunos com a internet e as redes sociais para encorajá-los a compartilhar suas tendências favoritas. Sem dúvidas, a melhor forma de descobrir o que os alunos querem é perguntando para eles!

Pode-se criar um espaço virtual (pesquisa no google forms ou Whatsapp) ou mural na sala de aula onde os alunos possam sugerir filmes, séries, músicas, desafios ou outras tendências que estejam chamando sua atenção.

Essa colaboração inicial é fundamental para garantir que as tendências escolhidas sejam do interesse da turma, aumentando as chances de engajamento e aprendizado.

2. Desenvolvimento de Atividades Criativas

Com a lista de tendências em mãos, é hora de desenvolver atividades criativas que explorem esses temas em inglês. Os professores podem organizar grupos de trabalho, nos quais os alunos têm a oportunidade de discutir suas ideias e contribuir com sugestões para as atividades.

Cada grupo pode ser responsável por trabalhar em uma tendência específica ou até mesmo combinar diferentes tendências em uma única atividade.

Por exemplo, se a tendência selecionada for o filme da Barbie, um grupo pode criar um jogo de perguntas e respostas em inglês, baseado na história do filme.

Outro grupo pode desenvolver uma espécie de teatro, em que os alunos representam cenas e diálogos do filme.

Já um terceiro grupo pode compor uma música relacionada ao enredo da história da Barbie. Dessa forma, os alunos são encorajados a utilizar suas habilidades criativas e, ao mesmo tempo, praticar o inglês de maneira significativa.

3. Integração de Habilidades Linguísticas

Ao desenvolver atividades baseadas em tendências, é importante integrar diversas habilidades linguísticas, como a leitura, a escrita, a audição e a fala. Por exemplo, ao trabalhar com um vídeo de um desafio viral da internet, os alunos podem assistir ao vídeo e responder a perguntas em inglês sobre o conteúdo.

Em seguida, podem ser incentivados a escrever um pequeno texto ou a fazer uma apresentação oral, compartilhando suas opiniões sobre o desafio. Dessa forma, os alunos praticam a compreensão auditiva, a expressão escrita e a oralidade, tudo relacionado a um tópico atual e envolvente.

4. Incentivo à Colaboração

Ao trabalhar em grupo para desenvolver atividades baseadas em tendências, os alunos aprendem a importância da colaboração e do trabalho em equipe.

O professor pode orientar os grupos a discutir e dividir tarefas de forma equilibrada, garantindo que todos os membros tenham a oportunidade de contribuir e participar ativamente do processo de criação.

A colaboração não apenas fortalece as habilidades sociais dos alunos, mas também enriquece o aprendizado ao expor os alunos a diferentes perspectivas e ideias.

5. Apresentação e Compartilhamento de Atividades

Depois que os grupos concluírem o desenvolvimento de suas atividades baseadas em tendências, é hora de apresentá-las à turma. Cada grupo pode realizar uma apresentação, demonstrando como a atividade funciona e como ela está relacionada ao tema em questão.

Essas apresentações criam um ambiente de aprendizado interativo e dinâmico, no qual os alunos se tornam os protagonistas do processo de ensino-aprendizagem, é a utilização do conceito de sala de aula invertida.

Além disso, ao compartilhar suas criações com os colegas, os alunos têm a oportunidade de se orgulharem do seu trabalho e de aprenderem uns com os outros.

6. Outras Atividades mais Simples e Rápidas

As atividades acima são apenas uma sugestão, mas não é não é necessário que se faça nada complexo para se obter os benefícios do uso das tendências.

Simplesmente conversar sobre algum tema, introduzindo e provocando discussões já pode ser muito proveitoso.

A discussão sobre a evolução da tecnologia e o futuro das Inteligências Artificiais, por exemplo, é uma sugestão de tema que certamente atrai a atenção da maioria das pessoas.

Tenha certeza de que muito alvoroço vai surgir por meio da mera proposição deste tema seguido de uma provocação por meio de perguntas do tipo: até onde vai a evolução da Inteligência Artificial? Será que os homens serão substituídos pelas máquinas? Será que as máquinas vão dominar os humanos?

Conclusão

A inclusão de tendências atuais nas aulas de inglês é uma estratégia pedagógica relevante e eficaz para atrair a atenção e o interesse dos alunos.

Ao utilizar temas populares, como filmes, séries, músicas e outros conteúdos em alta, os professores podem estabelecer uma conexão significativa com seus alunos, tornar o aprendizado mais relevante e aplicável, e criar um ambiente de aprendizagem mais estimulante e inclusivo.

Além disso, essa abordagem permite que os alunos se sintam conectados ao mundo digital em que estão inseridos, evitando rupturas entre o ambiente escolar e sua realidade cotidiana.

No entanto, é importante lembrar que a incorporação de tendências deve ser equilibrada com a abordagem tradicional do ensino de inglês, garantindo que os fundamentos da língua sejam adequadamente ensinados.

Afinal, o objetivo principal é não apenas atrair a atenção dos alunos, mas também oferecer-lhes uma educação de qualidade que os capacite e os prepare para enfrentar os desafios do mundo moderno.

Portanto, a utilização das tendências deve ser vista como uma ferramenta complementar e inovadora para enriquecer as práticas pedagógicas e estimular o aprendizado de inglês de forma dinâmica e envolvente, mas sem deixar de lado o mais importante: o ensino do idioma.

Fique por dentro das novidades!

Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos do Blog no seu e-mail.