Dicas infalíveis para Professor Autônomo de Inglês conquistar mais alunos

Aprenda técnicas e estratégias para captar alunos para aulas particulares de inglês e lotar a sua agenda como professor autônomo!

Dicas infalíveis para Professor Autônomo de Inglês conquistar mais alunos

Se você já atua como professor autônomo de inglês ou está pensando em começar, deve saber que um dos principais desafios é a captação de alunos.

Em um mundo globalizado, em que a internet viabiliza diversos novos modelos de ensino como o híbrido e o online, o mercado de ensino de inglês é bastante competitivo e para atuar como professor autônomo você precisa saber de mais coisas além de ensinar inglês.

Empreendedorismo, marketing, gestão de negócios, entre outros conhecimentos são indispensáveis para que você tenha sucesso ensinando inglês de maneira autônoma.

Quer saber como conquistar mais alunos como professor autônomo de inglês? Leia este artigo para descobrir! Aqui você vai ver:

7 Dicas para professor autônomo de inglês captar alunos
1. Aprenda sobre Marketing
2. Comece simples
3. Garanta que todos saibam que você é Professor Autônomo de Inglês
4. Emita certificado para seus alunos
5. Utilize estratégias de Customer Success
6. Seja um professor autônomo empreendedor
7. Use tecnologia para ensinar inglês

7 Dicas para professor autônomo de inglês captar alunos

Atuar como professor autônomo de inglês é desafiador. Lidar com captação de alunos, retenção, gestão de pagamentos e contratos, planejamento de aulas, tudo ao mesmo tempo não é tarefa simples.

Apesar disso, dar aula particular de inglês é um excelente negócio, ainda mais diante das facilidades trazidas pela internet e tecnologias digitais.

Se você é professor de inglês e tem vontade de ensinar de forma autônoma, experimente essas 7 dicas para arrasar na captação de alunos!

1. Aprenda sobre Marketing

A internet está repleta de conteúdos que podem ajudar você a desvendar as técnicas e estratégias de marketing. Procure aprender um pouco sobre o assunto, com certeza entender sobre marketing ajudará você a ter ideias para captar alunos.

Leia mais sobre Marketing Digital, de Conteúdo e Pessoal para Professores de Inglês clicando aqui.

2. Comece simples

No mundo digital, o cenário ideal é que você tenha um site, um blog cheio de conteúdo, perfil em todas as redes sociais e por aí vai.

No entanto, se você não domina as ferramentas necessárias para gerenciar todos esses canais de comunicação, comece com o que você já sabe.

Provavelmente você utiliza alguma rede social, certo? Divulgue nela que você é professor autônomo de inglês e ofereça aulas particulares aos seus conhecidos.

Compartilhe nos aplicativos de mensagem que você já utiliza um link para seu perfil convidando seus contatos a acompanharem você. Publique conteúdos relacionados ao ensino de inglês.

Conforme você for se familiarizando com as ferramentas, aprenda a utilizar outras e vá aumentando seu arsenal.

O importante é não esperar saber sobre tudo para começar. Comece agora mesmo!

3. Garanta que todos saibam que você é Professor Autônomo de Inglês

A maioria das pessoas utiliza redes sociais atualmente. Nelas, conectamos com amigos próximos, colegas, conhecidos, familiares distantes e, até mesmo, conhecemos novas pessoas.

Será que todas elas sabem que você dá aulas de inglês particular? Garanta que sim!

Dessa forma, quando precisarem ou souberem de alguém que precisa de um professor particular de inglês, elas se lembrarão de você.

4. Emita certificado para seus alunos

Você sabia que professores autônomos podem emitir certificado? Isso mesmo!

Como professor particular de inglês, você pode emitir certificado na modalidade de “curso livre”. Essa modalidade se trata de educação não-formal, de duração variada, podendo ser presencial ou online.

É uma modalidade de ensino complementar para qualificação profissional ou pessoal e que não exige escolaridade anterior.

Neste certificado, você declara que o aluno concluiu o curso de inglês ministrado por você, pode mencionar a carga horária, nível de aproveitamento, competências e conteúdo programático.

Vale destacar que estamos falando aqui de um certificado, e não de um diploma. Existe uma enorme diferença entre um e outro: um certificado atesta que você possui conhecimento sobre determinado assunto.

Já o diploma atesta a conclusão de um curso superior, regulamentado pelo Ministério da Educação e Cultura - MEC e lhe confere título (bacharel, licenciado, tecnólogo, etc.).

Assim, ao comunicar a seus alunos que você oferece certificado ao final do curso, deixe clara a diferença.

Também é importante comunicar que o certificado que você emite não possui a mesma validade que uma certificação internacional, como o TOEIC, TOEFL e Cambridge.

Mas para fins de horas extracurriculares e currículo, um certificado de inglês é de grande valia. Fale sobre isso nos seus canais de comunicação para agregar valor a suas aulas!

5. Utilize estratégias de Customer Success

Seus alunos serão a sua melhor propaganda. Certifique-se de que a experiência deles com suas aulas, metodologia e atendimento seja a melhor possível.

Assim, quando algum colega precisar de aulas particulares de inglês, seu aluno estará seguro para indicar você e o marketing boca a boca acontecerá naturalmente.

Clique aqui e conheça estratégias de Customer Success para professores de inglês.

6. Seja um professor autônomo empreendedor

Você pode ter a melhor metodologia, o melhor material didático de inglês e saber tudo sobre marketing digital: mas se você não souber empreender, dificilmente conseguirá muitos alunos e alcançará bons resultados.

Não estamos dizendo aqui que você deve constituir uma empresa, contratar funcionários e essas coisas. O que você deve fazer é pensar de forma empreendedora.

Visualizar oportunidades e agir para transformá-las em novos clientes para você. Inovar, ofertar serviços diferenciados para seus alunos. Pensar fora da caixa!

Leia nosso artigo 5 estratégias empreendedoras para professor particular de inglês para saber mais.

7. Use tecnologia para ensinar inglês

O uso de tecnologia na educação apresenta muitos benefícios: deixa as aulas mais dinâmicas, potencializa o ensino, aprimora o processo de aprendizagem, proporciona a personalização do ensino e muito mais.

Além de tudo isso, usar tecnologia para ensinar inglês é um diferencial que atrai muitos alunos que se interessam por inovação.

Para o ensino de inglês na Era Digital, a Flexge oferece uma solução completa e ideal para professores particulares. Acesse nosso site para saber mais.

Neste artigo você conferiu 7 dicas para captar alunos sendo professor autônomo de inglês. Aproveite e se inscreva na nossa Newsletter para ficar por dentro das novidades do Blog. Até a próxima!